"Há um penálti sobre o Esgaio e o VAR não foi consultado"

"Há um penálti sobre o Esgaio e o VAR não foi consultado"

Ricardo Sá Pinto, treinador do Sporting de Braga, em declarações à SportTV, após a derrota em Setúbal

Resumo do jogo: "É muito difícil gerir este resultado. O objetivo era somar hoje os três pontos. Acho que não merecíamos sequer empatar, quanto mais perder. É muito ingrato e injusto, o futebol. Estamos num percurso muito difícil de gerir, quer física, quer emocionalmente, desde o início da época. Agora vamos entrar num ciclo de sete jogos em 21 dias. Era fundamental ganhar hoje e achámos que era possível conseguir melhor. Fomos melhores em tudo".

Muita posse de bola, mas poucas oportunidades: "É importante perceber o que é isso de posse de bola. No nosso caso, é importante perceber que tivemos o controlo e posse sempre na frente do jogo, mas faltou definir melhor a chegada. Tivemos não sei quantos cruzamentos, mas falou melhor discernimento na finalização. Na segunda entrámos determinados para fazer logo golo. Adivinhava-se isso, sentíamos que tínhamos o jogo controlado, mas faltava decidir melhor. E sofrer aquele golo foi um grande balde de água fria. Fomos muito penalizados por isso".

Arbitragem: "Há um momento do jogo, um penálti cometido sobre o Esgaio, e não sei por que razão o VAR não foi consultado. Foi consultado para a expulsão do Fransérgio, mas [o árbitro] não foi ver o lance sobre o Esgaio. Faltou analisar o lance sobre o Esgaio, é uma carga clara. Já vi o lance e toda a gente viu comigo. E isso podia-nos ter ajudar a fazer o empate e aspirar à vitória. Estamos tristes. O resultado é muito injusto".