"Empréstimo? Sei que algumas pessoas não acharam boa ideia..."

"Empréstimo? Sei que algumas pessoas não acharam boa ideia..."

Luther Singh, jogador emprestado pelo Braga ao Chaves, fala sobre os motivos que o levaram a rumar ao clube flaviense.

Luther Singh explicou, ao jornal sul-africano "Times Live", a mudança para o Chaves no início de janeiro, num empréstimo que termina no final da temporada. "Sei que houve algumas pessoas que não acharam boa ideia, mas eu tenho a idade do meu lado. No Chaves, sabia que iria jogar a maior parte dos jogos. Não é como jogar na II Liga... Aqui defronto os melhores adversários, só estou num clube mais pequeno do que o Braga. Mas é um empréstimo e quem sabe o que irá acontecer no final da época", contou o internacional sul-africano, de 21 anos, que participou em 14 jogos pelo Chaves (um golo).

"Esta experiência ao mais alto nível está a ajudar-me muito. É o meu melhor momento desde que cheguei à Europa - com 18 anos, para jogar nos suecos do GAIS. Estou muito contente com a minha evolução. O trabalho continua, não vou parar por aqui", rematou o extremo, que tem contrato com o Braga até 2023.