Abel: "Se amanhã o estádio não estiver cheio a culpa será da Liga"

Abel: "Se amanhã o estádio não estiver cheio a culpa será da Liga"

Treinador do Braga fez a antevisão ao jogo com o Sporting, da final-four da Taça da Liga.

Expetativa: "É um jogo a eliminar, um jogo único, espero que seja um grande espetáculo. Posso garantir que estamos preparados para este grande desafio, para enfrentar um adversário com muitos recursos individuais e coletivos. O futebol é um espetáculo e é isso que vamos proporcionar. Temos a certeza e a convicção do que temos que fazer. Treinámos o nosso plano de jogo e isso dá-nos confiança para amanhã. Não interessa quem está à frente ou atrás no campeonato, porque este é um jogo a eliminar. Vamos fazer tudo para estarmos presente na final. Vamos canalizar todas as nossas energias no jogo de amanhã"

Sporting: "Estamos preparados para duas situações: para uma equipa de bloco médio ou a pressionar alto. O Sporting fez algumas alterações no ataque posicional, ao jogar 4x3x3, com mais largura pelos flancos e um jogo interior forte e mais apoiado pelo interior. Estamos à espera de um adversário com uma identidade muito forte e temos a noção do que temos que fazer".

Apoio dos adeptos: "Gostamos da pressão positiva. Esperamos que a esteja uma boa casa e que os nossos adeptos compareçam em força. Se amanhã o estádio não estiver cheio a culpa será da Liga por causa do preço dos bilhetes. Fico triste quando as pessoas do futebol só olham para o lado económico. Tirando isto, espero que os nossos adeptos com mais recursos económicos apareçam e também contamos com outros, aqueles que vão ficar em casa. Desses esperamos que criem uma onda positiva em torno da equipa. Temos a nossa própria pressão, sabemos quais são as diferenças e que ainda temos muito que crescer. O nosso desafio é, com menos, estarmos ao nível dos grandes em termos coletivos. Esta equipa é muito competitiva. Disse aos jogadores para canalizarem toda a energia para o jogo".

Raúl Silva em dúvida: "Vamos ver. Ainda há mais um dia, mas não gostei de ver que alguma imprensa tenha dito que poupei a equipa contra o Nacional. Já fiz isso na época passada. O treinador do Braga não geriu nada. A cada jogo, jogam os melhores. Contra o Nacional jogaram aqueles que eu entendi que estariam em condições de dar o máximo e será assim amanhã, com o objetivo de vencer".

Sensações da cidade de Braga: "É um evento mediático e o futebol tem a capacidade de unir as pessoas. Sinto grande entusiasmo, até porque todos sairão a lucrar com esta competição, incluindo o comércio. Espero que todos desfrutem desta competição. Braga é uma cidade fantástica, com belos locais para visitar".