Reforço blindado por 20 milhões já assistiu ao jogo com o Benfica

Reforço blindado por 20 milhões já assistiu ao jogo com o Benfica
Pedro Rocha

Tópicos

Aventura de Ricardo Ryller ao serviço do Braga já começou.

A aventura de Ricardo Ryller ao serviço do Braga já começou. Acompanhado da namorada, o jogador chegou na manhã de sábado a Portugal, num voo proveniente do Brasil, e assitiu ao jogo com o Benfica, que terminou com a vitória das águias por 3-1. Ryller assina um contrato válido até 2020, blindado por uma cláusula de rescisão de cerca de 20 milhões de euros - uma das mais elevadas entre os profissionais arsenalistas.

Para comprar a totalidade do passe do jogador de 23 anos ao Luverdense, da Série B, a sociedade desportiva teve de desembolsar 250 mil euros, numa altura em que Botafogo, Vasco da Gama e América Mineiro tentavam assegurá-lo por empréstimo. Fechada esta operação, a SAD trabalha afincadamente no sentido de contratar um central.

Abel Ferreira já deixou entender que será vital a entrada de uma nova opção para o eixo da defesa para compensar o desaparecimento prolongado de Ricardo Ferreira, estando nesta altura descartado o português Roderick, que perdeu o estatuto de habitual titular no Wolverhampton. O ex-central do Rio Ave enquadra-se no perfil do defesa pretendido, mas o clube inglês não está disposto a emprestá-lo e a suportar a maior parte dos vencimentos. Fora do radar está também o central ganês Kasim Adams (Young Boys), apontado aos minhotos pelo "Diario de Mallorca", a troco de oito milhões de euros. Uma possibilidade que não tem qualquer consistência, segundo apurou O JOGO junto de fonte da SAD. Já o lateral Diogo Figueiras, um antigo desejo do Braga, pretende deixar o Olympiacos para relançar a carreira, estando na disposição de baixar os salários para se mudar para o clube minhoto. Uma negociação em marcha.