Carlos Carvalhal: "Vamos ver se conseguimos matar o borrego..."

Carlos Carvalhal: "Vamos ver se conseguimos matar o borrego..."
Tomaz Andrade

Tópicos

Treinador do Braga, Carlos Carvalhal, aborda com confiança o jogo com o Ludogorets e quer conquistar a primeira vitória do clube frente a equipas búlgaras

Abordagem ao jogo: "Queremos dar sequência ao que temos vindo a fazer. Se estivermos mais perto do nosso nível, estaremos mais perto de vencer. Olhamos só para a vitória, com toda a determinação, num país onde nunca vencemos. Na época passada matámos o borrego da Ucrânia, vamos ver se este ano conseguimos o mesmo na Bulgária."

Contas do Grupo F da Liga Europa: "Todos os jogos de um grupo equilibrado são importantes. Estamos focados no essencial, em tentar vencer o jogo. Temos muito respeito pelo adversário, mas queremos muito vencer. A dificuldade do jogo é do tamanho da nossa ambição. Não adianta, quando formos para Portugal, pensar que o avião vai chegar ao Porto, porque primeiro temos de chegar ao aeroporto e entrar no avião. Então amanhã vamos tentar vencer e, depois, seguiremos viagem até ao destino que pretendemos."

Derrota na primeira jornada com o Estrela Vermelha: "Sinceramente, fomos para Belgrado para vencer o jogo e não ganhámos por vicissitudes, coisas que acontecem no futebol. Não foi por falta de atitude ou entrega. Merecíamos mais do que o que tivemos. Num grupo que é equilibrado, ter um acidente de percurso não significa absolutamente nada, pois o Braga irá voltar a jogar com o Estrela Vermelha. Ainda há muitos jogos e pontos por disputar. Este grupo vai ser discutido até ao último segundo e aí veremos quem chega à frente; esperemos que seja o Braga."