Braga contrata guarda-redes ucraniano e traz a família para Portugal

Braga contrata guarda-redes ucraniano e traz a família para Portugal

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Bohdan Isachenko está integrado no plantel de sub-19 e a mãe vai ser funcionária do clube.

O Braga contratou o guarda-redes ucraniano Bohdan Isachenko, 18 anos, ex-Dínamo de Kiev, e resgatou a sua família, trazendo-a para Portugal a pedido do jogador, de maneira a fugir ao conflito que se vive naquele país depois da invasão por parte da Rússia.

Bohdan estava no radar arsenalista desde a época passada e há cerca de um mês chegou ao Minho para prestar provas nos escalões de formação do clube. O guarda-redes passou nos testes e, já depois de saber que ia ser contratado, estalou a guerra na Ucrânia, há cerca de três semanas, o que o levou a questionar o Braga se poderia ajudar a sua família. Os responsáveis minhotos foram sensíveis ao pedido e patrocinaram o resgate de Natalia Zherzherunova e Varya Zherzherunova, a mãe e a irmã do jogador, respetivamente, que chegaram a Portugal, via Alemanha, no dia 13.

O Braga disponibilizou uma casa para a família de Bohdan (o guarda-redes está a morar com outros jogadores da formação) e também um emprego para a mãe, na secção de basquetebol. Natalia Zherzherunova trabalhava na Federação Ucraniana de Basquetebol.