Adjunto foi eleito segundo melhor treinador de janeiro e Rúben Amorim comentou

Adjunto foi eleito segundo melhor treinador de janeiro e Rúben Amorim comentou
Pedro Marques Costa

Tópicos

Micael Sequeira, adjunto de Rúben Amorim no Braga, foi apenas superado por Bruno Lage na votação dos melhores treinadores de janeiro.

Antes do duelo entre Braga e Benfica, marcado para sábado, Rúben Amorim foi questionado sobre o segundo lugar do seu adjunto na votação para melhor treinador da I Liga no mês de janeiro, na qual Micael Sequeira foi apenas superado por Bruno Lage.

O técnico dos arsenalistas reagiu com boa disposição e, entre sorrisos, revelou que houve apenas uma coisa que o deixou aborrecido: "Foi uma escolha dos treinadores, acharam que o Micael devia ficar em segundo. É trabalhar para ficar em primeiro. Só fique chateado por uma coisa, votámos no Lage, se não tivéssemos votado nele se calhar tínhamos mais hipótese [risos]. Fora de brincadeira, o que interessa mesmo é o jogo", afiançou Amorim, em conferência de imprensa.

Rúben Amorim, recorde-se, não é detentor do nível IV de treinador.