João Pedro Sousa e o duelo na Luz: "Não vamos mudar rigorosamente nada"

João Pedro Sousa e o duelo na Luz: "Não vamos mudar rigorosamente nada"
Redação com Lusa

Tópicos

Declarações do treinador do Boavista, no final do Boavista-Portimonense (1-1), da quinta jornada da Liga Bwin

Jogo: "Considero que foi uma primeira parte organizada. Fomos competentes naquilo que queríamos fazer, criámos alguns problemas ao adversário e evitámos bastantes perante uma equipa muito difícil e competente. Na segunda parte, tínhamos de colocar mais um jogador criativo, com velocidade e mais perto do Petar Musa, no sentido de recuperar a desvantagem. O problema não foi do meio-campo, mas da equipa. A equipa desorganizou-se, desequilibrou-se em termos emocionais e passámos a ter bastantes problemas com a nossa forma de jogar. A construção não saía e errámos demasiados passes em todas as zonas do campo e setores. Fomos erráticos no nosso posicionamento para ficarmos prontos e termos sucesso na pressão. Quando se está a defender mal, também não temos sucesso".

Forma de jogar: "Quando percebo que criámos problemas ao adversário e evitámos que ele nos criasse problemas à nossa ideia, achamos que fomos competentes e as coisas nos correram bem. Sou honesto se disser que, mesmo que tivéssemos feito o 2-1, não ficava contente. Chegámos ao 1-1 de um modo que nada tem a ver com a nossa forma de jogar."

Jogo na Luz: "Estaremos melhores, seguramente. Tenho esperança de que quem está de fora recupere rapidamente. Temos muita gente importante de fora. Sabemos da capacidade e valia do próximo adversário, mas não vamos mudar rigorosamente nada."

Entradas a conta-gotas: "É importante estarmos todos a treinar, com a agravante de que alguns chegaram muito tarde e estão a entrar. Há coisas que forçosamente temos de trabalhar, como a situação em que precisamos de recuperar o resultado. Tivemos isso em dois jogos, em Barcelos e hoje, e não demos respostas positivas".