West Ham pede uma fortuna por Declan Rice e o Chelsea vira-se para Weigl

West Ham pede uma fortuna por Declan Rice e o Chelsea vira-se para Weigl
Vítor Rodrigues

Tópicos

Thomas Tuchel, treinador dos londrinos, é um grande apreciador das qualidades do médio das águias, que tentou contratar, por duas vezes, para o PSG. Mesmo não sendo a prioridade, já ocorreram contactos.

A contratação de Weigl está em cima da mesa dos responsáveis do Chelsea, que pretendem reforçar a zona defensiva do meio-campo e apontam ao jogador do Benfica como uma alternativa ao alvo prioritário, Declan Rice, do West Ham.

Segundo O JOGO apurou, e na sequência da informação publicada ontem pelo conceituada jornal inglês "The Telegraph", já houve uma abordagem, através de intermediários ao Benfica e também aos representantes do jogador, sendo este um dossiê que poderá conhecer desenvolvimentos já nas próximas semanas e que poderá ter em Thomas Tuchel, técnico dos blues, um determinante contributo para a decisão final.

O alvo inicial é Declan Rice, internacional inglês de 22 anos, por quem o West Ham estará a pedir verbas que superam os... 80 milhões de euros. Esta é uma fasquia que, à partida, o Chelsea não pretende alcançar. Daí que o plano passe por tentar cortar neste valor ou passar aos nomes seguintes da lista. Um deles é Aurélien Tchouameni, médio de 21 anos do Mónaco, o outro é Julian Weigl. Ao que apurámos, o médio alemão das águias, de 25 anos, é a principal alternativa, na perspetiva, do treinador do Chelsea. Foi Tuchel quem o pediu para o Borussia Dortmund, em 2015, e que tentou contratá-lo em janeiro e julho de 2019, então para os franceses do PSG, voltando agora a estar no seu radar.

Os planos do Chelsea apontam então para Rice, mas há movimentos pelos outros alvos, ao ponto de, segundo apurámos, já ter ocorrido uma abordagem ao Benfica, através de um intermediário, bem como aos representantes do jogador que, recorde-se, chegou à Luz em janeiro de 2010 mediante um custo de 20 milhões de euros. Depois de um arranque menos positivo e algumas críticas depois, Weigl marcou o seu espaço no onze e é uma das unidades com que Jorge Jesus pretende contar para a nova temporada. Porém, os números poderão falar mais alto, dada a necessidade de encaixe em vendas por parte dos encarnados.