Veríssimo: "A partir do momento em que assumi este cargo, evito redes sociais"

Veríssimo: "A partir do momento em que assumi este cargo, evito redes sociais"

Declarações do treinador do Benfica em reação ao triunfo, nos penáltis (3-2), após empate a um golo (1-1) nos 90', frente ao Boavista, que carimbou o apuramento para a final da Taça da Liga

Reação dos adeptos: "Os adeptos têm todo o direito em manifestarem-se, umas vezes contra, outras a favor. Temos de reconhecer competência aos adversários e, em alguns momentos do jogo, algum demérito nosso. Nem tudo está bem, mas temos margem para crescer enquanto equipa. A partir do momento em que assumi este cargo, evito [ver] redes sociais. Essa insatisfação [dos adeptos] ainda nos motiva mais a trabalhamos com mais afinco, conscientes do clube que representamos. Queremos sempre mais e melhor."

Lutar por títulos: "A pressão é a mesma. Talvez não acreditam no que estou a dizer. Desde o início da época, um dos objetivos é conquistar a Taça da Liga. Temos consciência da posição que ocupamos na Liga, náo abdicaremos de conquistar essa competição. Com mais ou menos pressão, vamos lutar por esses objetivos."

Estado anímico da equipa vai dar trabalho: "Não sinto a equipa desconfortável animicamente. Há momentos [menos bons] quando se sofre um golo ou o jogo não pode estar a correr muito bem. Não sinto a equipa em baixo animicamente. Temos que olhar para o todo, a forma como atacamos e defendemos. É sempre mais confortável trabalhar sobre resultados positivos. Quando não acontece, pode gerar dúvidas. Senti que a equipa quis dar respostas positivas. Podemos ser mais regulares e consistentes."