Têm o final de percurso no Benfica à vista, mas negócios estão em suspenso

Têm o final de percurso no Benfica à vista, mas negócios estão em suspenso

Cervi e Todibo vão sair, mas os negócios estão em stand-by porque ganharam espaço devido às ausências.

Cervi e Todibo têm o final de percurso no Benfica à vista, porém os negócios dos dois jogadores com outros clubes estão, apurou O JOGO, em suspenso, pois a dupla ganhou espaço na equipa principal com a covid-19.

Sem Nuno Tavares nem Grimaldo, o argentino, que até surpreendeu pela positiva Jorge Jesus no jogo da Taça da Liga, é o dono da posição de defesa esquerdo, mantendo-se até final de janeiro para defrontar Nacional e Belenenses. O canhoto está entre uma ida para os Estados Unidos da América, para o New York City, ou continuar na Europa, mais concretamente em Espanha pela porta do Celta de Vigo.

Todibo estreou-se pelo Benfica na Taça de Portugal na Amadora, manteve a titularidade em Leiria ante o Braga e ficou associado aos golos do rival, merecendo várias correções do técnico. O central, que era o quinto na hierarquia, subiu no ranking com a covid-19 em Vertonghen e Otamendi. Jardel é estanque no onze e entre Ferro e Todibo Jesus escolherá. Ainda assim, é preciso ter um terceiro central, até porque Lucas Veríssimo só chega em fevereiro. O defesa vai ser devolvido ao Barcelona e o St. Étienne mostra interesse em tê-lo por cedência.