Ramírez já se despediu dos colegas

Ramírez já se despediu dos colegas
Bruno Andrade

Tópicos

Simón Ramírez, lateral-direito aguardado em Lisboa na primeira semana de janeiro para reforçar o Benfica, já se despediu dos colegas de equipa do Huachipato. Vai custar 500 mil euros.

Segundo Jorge Correa, diretor do emblema chileno, em declarações à imprensa chilena. as negociações ainda decorrem, mas o jogador de 18 anos já se despediu dos colegas, adiantou o dirigente.

"É certo que ainda estamos a negociar com o Benfica. A única coisa que posso dizer é que o Simón Ramírez já se despediu dos colegas, mas pode apresentar-se no dia 2. É muito provável que as negociações avancem, mas ainda não está totalmente fechado", afirmou.

Aguardado em Lisboa na primeira semana de janeiro para realizar exames médicos, o chileno Simón Ramírez, sabe O JOGO, custará ao todo 500 mil euros aos cofres do Benfica, sendo 250 mil euros referentes aos direitos de formação do lateral-direito do Huachipato.

O jovem jogador assinará contrato por cinco temporadas e meia (até 2022) e inicialmente representará a equipa B das águias. Para agilizar o processo de adaptação ao futebol português, deverá falhar o Campeonato Sul-Americano de sub-20, para o qual está convocado.