Noronha Lopes sobre Rúben Dias: "Mais uma contradição e uma desorientação evidente"

Noronha Lopes sobre Rúben Dias: "Mais uma contradição e uma desorientação evidente"
Redação com Lusa

Tópicos

Sobre a transferência de Rúben Dias para o Manchester City, o candidato disse tratar-se de mais uma prova da "desorientação" da atual direção liderada por Luís Filipe Vieira.

João Noronha Lopes, candidato à presidência do Benfica, disse esta sexta-feira, depois de revelar que votou contra o relatório e contas em apreciação na assembleia geral (AG), que, com ele na liderança, o clube iniciará uma era de "transparência". Em declarações aos jornalistas depois de exercer o seu direito de voto, Noronha Lopes apontou falhas ao relatório e contas dos "encarnados' e revelou que as respostas que lhe chegaram da mesa da AG às questões que levantou não o satisfizeram.

Sobre a atualidade do clube, nomeadamente sobre a transferência de Rúben Dias para o Manchester City, o candidato disse tratar-se de mais uma prova da "desorientação" da atual direção liderada por Luís Filipe Vieira.

"Há um ano, o presidente disse que havia 15 jogadores da formação que podiam ser titulares e que poderiam ser campeões. Neste momento, o único é Rúben Dias e estamos face a mais uma contradição, a uma desorientação evidente na política desportiva do clube, que já se refletiu nos campeonatos perdidos nos últimos anos e em sermos afastados da "Champions" esta época", sublinhou Noronha Lopes.

Já sobre Jorge Jesus, o candidato à presidência das "águias' garantiu que o treinador que este ano regressou ao Benfica terá espaço para continuar no clube.

"Jorge Jesus é o treinador do Benfica e farei com que tenha as condições para que ganhe ainda mais no Benfica", concluiu João Noronha Lopes, rejeitando-se a comentar o apoio do técnico a Luís Filipe Vieira quando foi constituído arguido no âmbito do processo da "Operação Lex', mas ressalvando que "as vitórias devem ser dedicadas aos sócios".