"Não festejamos derrotas alheias"

"Não festejamos derrotas alheias"

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, discursou no interior da Câmara Municipal de Lisboa. "Não festejamos o insucesso alheio. Quem o festeja revela mesquinhez e pequenez de caráter", disse.

Agradecimento a António Costa: "Obrigado por nos receber aqui de novo, na Câmara Municipal. Sou grato ao presidente ao Câmara, mas principalmente ao homem e amigo que sempre nos incentivou a fazer mais e melhor, a ser uma bandeira da cidade de Lisboa e, principalmente, de Portugal. António Costa é um homem com enorme sentido de Estado e de serviço público".

Uma equipa que não se rende: "O que festejamos é a vitória do caráter, da vontade e de uma equipa que nunca se rendeu. Festejamos o talento, o profissionalismo dos jogadores e da equipa técnica".

Inédito e orgulhoso: "O feito inédito que conseguimos este ano é motivo de orgulho, mas aumenta a responsabilidade para o futuro. As vitórias resultam de facto de não termos ligado ao ruído de muitos comentadores e jornalistas e de focar-nos na nossa convicção. Seguimos o nosso caminho e esse foi o sgredo para estar aqui"

Derrotas alheias não são festejadas: "Festejamos o nosso percurso e persistência, não festejamos o insucesso alheio. Quem o festeja revela mesquinhez e pequenez de caráter. No Benfica ficámos felizes quando ganhámos, não quando outros perdem. Tal como há quatro anos disse aqui mesmo, estes títulos não pertencem apenas a Lisboa, são de Portugal".