Exclusivo Magazine Benfica: na Europa sem almofada interna

Magazine Benfica: na Europa sem almofada interna
Vítor Rodrigues

Tópicos

Triunfo no clássico do Dragão deixou os encarnados em estado de euforia, mas dois resultados negativos esvaziaram a almofada de conforto.

O triunfo em pleno Estádio do Dragão deixou os encarnados em estado de euforia, mas os festejos deram lugar a dois resultados negativos consecutivos, com a derrota em Zagreb e, no regresso ao campeonato, um empate caseiro com o Belenenses, que deixou encarnados e azuis e brancos no mesmo patamar de pontos, valendo às águias o confronto direto para segurar a liderança. A almofada de dois pontos conseguida no terreno do rival... esvaziou quase por completo com dois erros clamorosos da defesa benfiquista, num frango de Vlachodimos que correu mundo e num atraso de mangas curtas de Rúben Dias, a ditarem a igualdade.

O empate com o Belenenses (2-2) seguiu-se à derrota em Zagreb, onde mais do que o resultado tangencial (1-0), a lesão de Seferovic colocou a nação benfiquista em sobressalto pelas consequências evidentes que resultaram desta baixa física no próprio jogo e na gestão de plantel que Bruno Lage aponta como indispensável para manter o rendimento da equipa. Sem o suíço - o Benfica já procura um avançado com agressividade e profundidade -, a profundidade no ataque sofreu danos que a entrada de Jonas, obrigado a ser titular no campeonato com escasso ritmo de competição, não anulou totalmente, apesar do Pistolas ter picado o ponto ante os azuis de Silas.