Jesus sobre efeitos da pandemia: "Jogadores estão a trabalhar ao mais alto nível"

Jesus sobre efeitos da pandemia: "Jogadores estão a trabalhar ao mais alto nível"

Treinador do Benfica projetou, este domingo, o embate com o Belenenses SAD, relativo à 23.ª jornada da Liga NOS e assegurou que as marcas sofridas pela infeção do novo coronavírus já não se fazem sentir no plantel

Problema do covid ultrapassado: "Se acreditarmos naquilo que é a imunidade de grupo... nós já fomos todos contagiados pelo covid, de jogadores a equipa técnica e staff. Só se houver uma nova onda. Neste momento, não temos problemas nenhuns, os jogadores estão a trabalhar ao mais alto nível físico e espero que possam continuar até final do campeonato. Tenho a certeza que a equipa vai recuperar os padrões de intensidade aquando do começo do campeonato."

Luca Waldschmidt em fase de evolução: "Sim. É um dos jogadores que também esteve infetado e teve uma quebra de rendimento. É um jovem jogador, falta-lhe conhecer muito do que é o futebol português, assim como momentos do jogo. Ele só fala inglês e, portanto, o que eu passo no treino é em português e ele não percebe o que eu digo. Está a ter uma adaptação difícil. Penso que ele vai voltar ao rendimento que teve no início. Anda à procura do caminho que nos entusiasmou a todos, com ótima qualidade de jogo. O talento está e só falta ser recuperado."

Desenvolvimento de Pedrinho: "O Pedrinho teve praticamente seis meses sem jogar antes desta época. Começou-a com dificuldade, teve lesões, o problema do covid... A posição em que ele mais gostar de jogar, de acordo com as características deles, é a do Luca Waldschmidt, também a do Pizzi... principalmente como segundo avançado. É um jogador de ligação, mas não tem uma intensidade muito alta. Tem muito talento e muito forte no último passe. Já foi titular em oito jogos e participou num total de 15. Anda à procura do espaço dele... Vamos ver se conseguimos extrair a qualidade dele num espaço de 60 metros. Nos espaços reduzidos consegue ter capacidade, mas quando o campo alarga, ele tem mais dificuldade."