"Jesus? Com 26,5 milhões conseguiria arranjar um treinador com outro currículo"

"Jesus? Com 26,5 milhões conseguiria arranjar um treinador com outro currículo"

Rui Gomes da Silva volta a abordar o regresso do treinador do Benfica.

Rui Gomes da Silva concedeu uma entrevista ao Jornal i e o tema Jorge Jesus foi incontornável. O candidato à presidência do Benfica, assim já foi assumido pelo próprio, reforça que não teria contratado o treinador, mas que irá respeitar todos os contratos caso seja eleito.

"Tenho uma boa impressão de Jorge Jesus como treinador, mas não seria a minha escolha. Por aquele preço conseguiria treinadores que foram campeões em campeonatos de referência e foram campeões europeus. Não tenho dúvida de que com 26,5 milhões em três anos conseguiria arranjar um treinador com outro currículo", afirmou.

"Eu tenho memória e os sócios do Benfica também. Se eu fosse presidente do Benfica não escolheria Jesus, se alguma vez tiver que escolher um treinador e tenha Jorge Jesus no leque de opções nunca escolherei Jorge Jesus. Outra coisa é chegar lá e Jorge Jesus ter um contrato assinado. Ao contrário de outros, entendo que os contratos são para serem cumpridos, e portanto respeitarei as decisões tomadas pela atual Direção", garantiu Rui Gomes da Silva.