Jesus aborda casos de Gedson e outros cedidos: "Mais vale estarem no Benfica"

Jesus aborda casos de Gedson e outros cedidos: "Mais vale estarem no Benfica"
Redação

Tópicos

Treinador do Benfica falou sobre o mercado de transferências e abordou a questão dos jogadores que estão emprestados: "Se não jogam nos clubes onde estão, mais vale estarem no Benfica".

O Benfica tem vários jovens da formação cedidos por essa Europa fora e, este sábado, na antevisão ao jogo frente ao Vilafranquense, Jorge Jesus abordou os diferentes casos desses jogadores, com Gedson Fernandes (emprestado ao Tottenham, de José Mourinho) como maior exemplo.

O treinador das águias considera que, se os atletas que são cedidos não jogam, "mais vale estarem" no clube da Luz.

"Quanto ao Gedson... Não o conheço muito bem, os anos de crescimento dele coincidiram com os meus anos fora de Portugal. Todos estes jovens que o Benfica tem, que saíram para crescer porque não jogam na equipa mãe, saem porque lhes dá vantagens. Se não jogam nessas equipas, mais vale estarem no Benfica. Na minha opinião aprendem muito mais", começou por referir Jesus, estendendo a análise a outros jogadores:

"O Florentino [no Mónaco], não está a jogar, o Jota [no Valladolid] não está a jogar, o Tomás [Tavares, no Alavés] não está a jogar, que foi para iso que saíram. Isso não é positivo. É preferível estarem no Benfica", reiterou o técnico encarnado.