Castillo e Ferreyra: mais um interessado, saídas congeladas e o sinal de Bruno Lage

Castillo e Ferreyra: mais um interessado, saídas congeladas e o sinal de Bruno Lage
Marco Gonçalves e Vítor Rodrigues

Tópicos

Castillo e Ferreyra não convenceram Rui Vitória, tendo sido riscados pelo antigo técnico para o resto da época. A saída do treinador, todavia, congelou as saídas e ambos até foram convocados para o encontro com o Rio Ave.

Sem espaço nos planos de Rui Vitória para a segunda fase da temporada, Castillo e Ferreyra foram colocados no mercado pelo Benfica, tendo já merecido diversas abordagens, mas, segundo apurou O JOGO, as saídas dos dois jogadores ficaram para já congeladas com a mudança técnica no conjunto principal. Isto porque os responsáveis encarnados pretendem agora aguardar pela definição do novo treinador no sentido de ver qual a indicação em relação à dupla, raramente utilizada por Rui Vitória.

Contratado a troco de 7,87 milhões de euros no início da época, Castillo é muito pretendido no México e, depois do Monterrey, é também alvo do América, que assumiu publicamente o interesse no atleta. No entanto, além da vontade, para já, do jogador em permanecer na Europa, o recente campeão mexicano depara-se agora com um novo obstáculo. "A transferência [de Castillo] complicou-se um pouco mais porque despediram o treinador.

Agora, há que ver quem chega, se vão contar com ele e se ele quer ficar. Agora, o processo com Castillo é mais complicado", revelou à Imprensa mexicana Santiago Baños, presidente do América, clube cujo treinador, Miguel Herrera, já assumiu a possibilidade de fazer "um grande esforço" se necessário para contratar o jogador. O JOGO sabe que o representante do avançado, Alejandro Santisteban esteve ontem na SAD encarnada, mas não apresentou qualquer oferta oficial, tendo recebido indicação para aguardar mais algum tempo em relação à definição da situação do camisola 30.

Ferreyra, o que mais jogou entra a dupla, totalizando até ao momento 505 minutos, está na mira de Fenerbahçe, Besiktas e Olympiacos, mas também do Nice, que encetou já contactos com o objetivo de garantir a sua cedência, mostrando-se disposto a pagar 500 mil euros pelo empréstimo e assumindo ainda o salário do atleta, processo agora também em stand-by.

Para além destes clubes, o Dusseldorf, da Bundesliga, também está de olho em Ferreyra e, segundo avança o jornalista Gianluca Di Marzio neste sábado, o argentino é uma das prioridades dos alemães.

Recorde-se que tanto Ferreyra como Castillo integram a convocatória de Bruno Lage para o jogo de domingo com o Portimonense.