Conversa telefónica mostra que Vieira aceitava transferir Rui Vitória para o Everton

Conversa telefónica mostra que Vieira aceitava transferir Rui Vitória para o Everton

Na conversa telefónica que circula nas redes sociais, o presidente do Benfica pede a César Boaventura para transferir Rui Vitória para o Everton.

Um vídeo publicado no YouTube mostra uma alegada conversa telefónica entre Luís Filipe Vieira e César Boaventura com vista a transferir Rui Vitória para o Everton. A conversa, que terá acontecido em dezembro de 2017 ou janeiro de 2018, visava também a contratação de Marco Silva, que na altura orientava o Watford.

Na alegada conversa entre o empresário e o presidente do Benfica, Vieira terá dado a entender que Rui Vitória estaria de saída dos encarnados, numa altura em que os toffees mostravam interesse em contratar o treinador dos encarnados. "Ninguém pode saber disto, tem de ser secreto, é um treinador que ganhou dois campeonatos ao Benfica e está a lançar muitos jovens do Benfica", terá dito o presidente do Benfica na conversa telefónica.

Boaventura falaria depois com o empresário de Rui Vitória, Mohamed Afzal, de modo a apurar as condições de uma eventual transferência. "O que vais dizer ao gajo? Eu não sei nada disto, ok?", terá lembrado Vieira a Boaventura, que respondeu: "Claro que não. Falei com o Mohamed Afzal e disse-lhe que o Benfica não sabe de nada. Depois o Afzal é que vai falar consigo para saber as condições para ele sair e transmite-me a mim". Em resposta, Vieira falou da cláusula: "Tens de dizer que o Benfica tem uma cláusula de 15 milhões de euros. Tem que se negociar com o Benfica para baixar aquilo", terá afirmado o líder dos encarnados.

Quanto a Marco Silva, que acabaria por assinar pelo Everton, Boaventura revela que os toffees ofereceram nove milhões ao Watford para libertar o treinador português, tendo Vieira respondido: "Podes dizer que se não for quinze, podem ser 10 milhões. Não há nada como falar com ele".