Carrillo revela o segredo para o bom nível exibido no Mundial

Carrillo revela o segredo para o bom nível exibido no Mundial

O peruano André Carrillo concedeu uma entrevista ao "El Comercio", na qual abordou diversos temas como a prestação no Mundial'2018.

Emprestado na época passada pelo Benfica ao Watford, no qual não foi aposta regular na Premier League, André Carrillo apresentou-se a bom nível no Mundial'2018. Em entrevista ao "El Comercio", revelou o «segredo» da forma apresentada.

"Quando estive em Inglaterra, a Federação Peruana de Futebol viu que eu não estava a ter muita regularidade no Watford e conseguiu um treinador pessoal para mim, que viajou até lá e trabalhámos juntos duas a três semanas com muita intensidade. Depois fui para Espanha, continuei com a preparação, contratei um nutricionista e tive outro treinador pessoal que me potenciou muito. Nem tudo se trabalha em campo, também há um trabalho fora dele. No entanto, temos uma equipa jovem", explicou o internacional peruano.

Para a presença na Rússia, Carrillo só tem boas palavras. "Foi uma experiência única. Vamos fazer o possível para voltar a um Mundial e alcançar um lugar no Catar'2022. Da Rússia regressámos com muitas lições. Agora temos jogadores com maior estatuto, mais experiência e vontade para começar o projeto em direção ao Catar", começou por dizer.

"Chegámos ao Mundial com o objetivo não só de participar, mas também de competir. Queríamos chegar o mais longe possível, mas infelizmente não foi assim. No entanto, temos uma equipa jovem", concluiu.