Benfica com quatro vezes mais lesões que Sporting e FC Porto

Benfica com quatro vezes mais lesões que Sporting e FC Porto
Pedro Miguel Azevedo/Bruno Andrade

Tópicos

Jardel e Jonas são os que mais têm causado trabalho à equipa médica das águias: o primeiro já sofreu um estiramento muscular nas duas coxas, enquanto o segundo contraiu uma infeção no pé direito. Benfica tem 25, contra 6 do Sporting e do FC Porto.

O Benfica tem sofrido desde a pré-época para ter todos os jogadores à disposição de Rui Vitória. Desde julho, a equipa médica dos encarnados já teve de tratar de 28 casos de 19 jogadores diferentes: Ederson, Júlio César, Jardel, Luisão, André Almeida, Grimaldo, Fejsa, André Horta, Samaris, Danilo, Salvio, Rafa, Zivkovic, Jovic, Jonas, Jiménez, Mitroglou, Marçal, Rui Fonte e Davidowicz - os três últimos foram emprestados, já não estão no plantel e serão propositadamente afastados desta contabilidade.

A contar apenas os 16 atletas que continuam na Luz, os médicos encarnados depararam-se com 25 lesões. Mesmo assim, o número alarmante é quatro vezes maior do que os problemas enfrentados pelos principais rivais: Sporting e FC Porto tiveram seis cada, com cinco jogadores diferentes: Spalvis, Jefferson, Bruno Paulista, Adrien Silva e Petrovic do lado dos leões, e Maxi Pereira, Corona, Depoitre, Otávio e Evandro do lado dos dragões.

Jardel, Luisão, Fejsa, Mitroglou e, agora, André Horta são os benfiquistas com mais de uma lesão desde o arranque da época. O caso mais longo é do camisola 33: um estiramento muscular na coxa direita e outro na coxa esquerda. O central brasileiro fez apenas um jogo oficial até o momento (vitória 2-1 frente ao Arouca, a 9 de setembro, na Liga) e hoje corre para tentar recuperar e estar pronto para ser convocado para o duelo de sábado com o Marítimo, para a Taça de Portugal.

Já o problema mais grave é o de Jonas, que foi operado ao pé direito em agosto para retirar um fragmento ósseo e, por causa de uma bactéria, contraiu uma infeção no local semanas depois. Não joga há quase três meses e só começou a correr sem limitações no Seixal na semana passada.

CASOS CLÍNICOS 2016/17
BENFICA
JULHO

Ederson - Rotura do menisco interno do joelho direito

Zivkovic - Traumatismo na perna direita

Jardel - Lesão muscular na coxa direita

Fejsa - Traumatismo do joelho esquerdo

Salvio - Traumatismo no tornozelo esquerdo

Mitroglou - Traumatismo facial

Rui Fonte - Traumatismo do joelho direito

André Almeida - Fratura do nariz; entorse da zona tibiotársica esquerda

AGOSTO

Jonas - Fratura do pé direito e traumatismo no mesmo. Após drenagem de hematoma no pé direito sofre infeção bacteriana

Luisão - Estiramento da coxa direita

SETEMBRO

Jiménez - Estiramento do joelho esquerdo; entorse do joelho esquerdo com lesão no ligamento lateral interno

Danilo - Traumatismo da perna direita

Jovic - Ferida no 1.º dedo do pé esquerdo

Mitroglou - Estiramento da coxa esquerda

Rafa - Lesão muscular da coxa direita

Jardel - Estiramento da coxa esquerda

Samaris - Entorse da zona tibiotársica esquerda

André Horta - Estiramento da coxa direita

OUTUBRO

Júlio César - Lombalgia aguda

NOVEMBRO

Fejsa - Traumatismo na zona tibiotársica esquerda

Luisão - Entorse no joelho esquerdo

Grimaldo - Estiramento da parede abdominal

André Horta - Lesão na coxa direita

SPORTING

JULHO

Spalvis - Rotura do ligamento cruzado anterior e do menisco interno do joelho direito

OUTUBRO

Jefferson - Entorse do tornozelo direito

Bruno Paulista - Cirurgia dentária

Adrien - Lesão muscular na face posterior da coxa esquerda e lesão meniscal no joelho esquerdo

Petrovic - Lesão muscular na face posterior da coxa esquerda

FC PORTO

AGOSTO

Maxi Pereira - Lesão do tendão tibial posterior do pé direito

Deproite - Distensão muscular no adutor direito

Evandro - Mialgia de esforço no adutor esquerdo

Corona - Lesão na clavícula direita

SETEMBRO

Corona - Lesão no adutor da coxa esquerda

OUTUBRO

Otávio - Sobrecarga muscular