Ingleses dão 45 milhões de euros, mas Benfica resiste e Araújo fica

Ingleses dão 45 milhões de euros, mas Benfica resiste e Araújo fica
Vítor Rodrigues

Tópicos

Avançado de 20 anos, protegido por uma cláusula de rescisão cifrada em 60 milhões de euros, é aposta firme de Rui Costa para a nova temporada e está fora do mercado.

Henrique Araújo, dianteiro de apenas 20 anos, vencedor da UEFA Youth League, é visto pelos responsáveis encarnados, com o presidente Rui Costa à cabeça, como uma grande aposta para a nova temporada. Assim se justifica, segundo O JOGO apurou, a nega dada a abordagens de clubes ingleses, que acenavam com a formalização de propostas que ascenderiam, com objetivos incluídos, a 45 milhões de euros.

Com contrato válido até 2024 e blindado com uma cláusula de rescisão de, apurámos, 60 milhões de euros, Henrique Araújo é considerado na Luz como um jogador inegociável. O jogador que finalizou a temporada, entre equipa principal, bês, sub-19 e seleção de sub-21, com um total de 23 golos em 42 jogos está fora do mercado, de acordo com a perspetiva benfiquista, o que equivale a dizer que só acionando a cláusula o negócio poderá avançar.

Também apontado já a Barcelona e Real Madrid, Henrique Araújo prepara-se para discutir um lugar no onze com Yaremchuk, Musa, Rodrigo Pinho e Gonçalo Ramos. Darwin já saiu, transferido para o Liverpool, e Seferovic também deve deixar a Luz.