Guerra na Ucrânia: Yaremchuk deu coletes à prova de bala a crianças

Guerra na Ucrânia: Yaremchuk deu coletes à prova de bala a crianças

Em conjunto com outros jogadores ucranianos.

Yaremchuk, avançado do Benfica, contou, num canal ucraniano de Youtube, que ele e outros futebolistas do seu país a jogar no estrangeiro conseguiram reunir fundos para a aquisição de coletes à prova de bala para enviar para a Ucrânia.

"Ajudámos a angariar uma grande quantia de dinheiro, um valor suficiente para ajudar os nossos militares. Depois, quando começaram os combates em Chernihiv, ajudei as crianças de Lviv com a entrega de coletes à prova de bala", afirmou.

A Rússia lançou em 24 de fevereiro uma ofensiva militar na Ucrânia que já matou cerca de três mil civis, segundo a ONU, que alerta para a probabilidade de o número real ser muito maior.

A ofensiva militar causou a fuga de mais de 12 milhões de pessoas, das quais mais de 5,4 milhões para fora do país, de acordo com os mais recentes dados da ONU.

A invasão russa foi condenada pela generalidade da comunidade internacional, que respondeu com o envio de armamento para a Ucrânia e o reforço de sanções económicas e políticas a Moscovo.