"É indisfarçável o sentimento de frustração quando uma época se explana aquém dos pergaminhos"

"É indisfarçável o sentimento de frustração quando uma época se explana aquém dos pergaminhos"
Redação

Tópicos

Mensagem de Rui Costa presente no Relatório e Contas do Benfica referente a 2020/21.

Rui Costa, em mensagem presente no Relatório e Contas do Benfica referente a 2020/21, que apresentou um prejuízo de 9,018 milhões de euros, dirigiu-se aos sócios, destacando a ambição com que o clube preparou e encara a presente época, recordando, no entanto, os resultados aquém dos esperados na anterior.

"A Ambição de vencer é a razão primeira e última da nossa vivência. (...) Ambição na abordagem criteriosa como a nova temporada foi preparada (....). É indisfarçável, obrigatoriamente pesado, o sentimento de frustração quando uma época se explana aquém dos pergaminhos do Sport Lisboa e Benfica. Pelo que a motivação é redobrada", pode ler-se na mensagem.

"A forma atempada e criteriosa como foi planeada esta nova temporada consolida a aspiração de uma época diferente, coroada com os títulos e as alegrias que todos os benfiquistas anseiam"; lê-se ainda.

Veja a mensagem de Rui Costa na íntegra:

"Caras e Caros Consócios,

A Ambição de vencer é a razão primeira e última da nossa vivência. É com esse desígnio que dia após dia, num compromisso permanente para com todos os benfiquistas, procuramos engrandecer o nosso Clube. Projetá-lo, firmá-lo ainda mais glorioso no inelutável propósito de garantir os títulos que os nossos adeptos merecem. Troféus que lhes são dignos e reclamam por direito próprio! Porque é esse o insigne legado que, juntos, geração após geração, temos vindo a edificar ao longo destes mais de 117 anos de vida do Sport Lisboa e Benfica.

Ambição de triunfar no Futebol Profissional, nos diversos escalões da Formação e nas Modalidades. No impetuoso desejo de sustentar ainda mais a aposta estratégica de sucesso encetada no desporto feminino com títulos de campeão no Basquetebol, no Hóquei em Patins, no Futsal e no Futebol, com as nossas atletas a afirmarem-se pela excelência e superação.

Ambição na abordagem criteriosa como a nova temporada foi preparada, com uma renovação estratégica de algumas lideranças, no ajuste e no reforço qualitativo dos plantéis das diferentes Modalidades. O regresso dos nossos adeptos aos pavilhões com a paixão, o entusiasmo e o calor humano que tal envolve - a par das mudanças empreendidas - será determinante para a prossecução dos momentos de êxito e consagração que todos almejamos. É indisfarçável, obrigatoriamente pesado, o sentimento de frustração quando uma época se explana aquém dos pergaminhos do Sport Lisboa e Benfica. Pelo que a motivação é redobrada.

Ambição no futebol profissional com o apuramento para a Liga dos Campeões, cuja décima presença nos últimos doze anos comprova a consistência de um trajeto de sucesso trilhado ao longo da última década. A forma atempada e criteriosa como foi planeada esta nova temporada consolida a aspiração de uma época diferente, coroada com os títulos e as alegrias que todos os benfiquistas anseiam. O singular apoio dos nossos adeptos, o carinho e o fulgor que trazem a cada jogo, dentro e fora do Estádio da Luz, fará toda a diferença nos momentos decisivos.

Ambição numa relevância social crescente como só o Sport Lisboa e Benfica orgulhosamente personifica, através da sua Fundação e das suas Casas espalhadas pelo país e pelo Mundo. Nos tempos conturbados deste último ano e meio, de reorganização social e económica provocada pelas consequências da pandemia de Covid-19, assumimos uma responsabilidade social ainda mais premente e preciosa no apoio aos que mais carecem de um gesto solidário. São também esses os valores que forjam a nossa identidade e fundam a grandeza do Sport Lisboa e Benfica."