CMVM levanta a suspensão da negociação das ações da Benfica SAD

CMVM levanta a suspensão da negociação das ações da Benfica SAD

Comunicado da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) foi emitido nesta quarta-feira.

A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) informa em comunicado, nesta quarta-feira, que levantou a "suspensão da negociação das ações da Benfica SAD", na sequência da "divulgação de informação relevante".

Recorde-se que na noite de terça-feira o Benfica enviou um comunicado à CMVM a informar que Luís Filipe Vieira e Domingos Soares de Oliveira foram constituídos arguidos no processo Saco Azul.

A Procuradoria-Geral da República tinha confirmado horas antes que foram constituídos três arguidos, uma pessoa singular e duas coletivas, por fraude fiscal, no âmbito da processo em causa.

Segundo a nota enviada à CMVM, Vieira e Soares de Oliveira foram constituídos arguidos enquanto representantes legais da Benfica SAD e da Benfica Estádio, num processo integrado na operação "saco azul', em que as sociedades obtiveram, "nos anos 2016 e 2017, uma vantagem patrimonial indevida".

A esta ação "está associada uma possível contingência fiscal calculada pela Autoridade Tributária no valor total aproximado" de 600 mil euros.