Exclusivo Benfica um a um contra o Arouca: Enzo ligou o radar para Rafa destruir

Benfica um a um contra o Arouca: Enzo ligou o radar para Rafa destruir

A apreciação individual feita por O JOGO aos jogadores do Benfica na goleada por 4-0 ao Arouca, primeiro encontro do campeonato 2022/23.

Vlachodimos 5
Noite tranquila para o guarda-redes. Aos 59" agarrou um remate, fácil, de Antony.

Gilberto 7
Entrou a matar, ou melhor, à "matador", para abrir o ativo de cabeça. Deu projeção ofensiva à equipa com sucessivos cruzamentos e, aos 20", ainda evitou um golo, dando o corpo à bola, além de ter iniciado o lance do 3-0.

Otamendi 6
Pouco trabalho de "choque" dada a falta de oposição e de bola na sua zona de ação, mas, ao que foi chamado, respondeu com eficácia e convicção.

Morato 7
Concentração e capacidade posicional no eixo, procedendo a vários cortes seguros e sem falhas. Aos 35" e 75" ainda tentou o golo, sem pontaria.

Grimaldo 8
Exibição cheia do lateral, ontem mais um extremo do que outra coisa. Criou o 1-0 num dos muitos bons cruzamentos que fez. Sobre o intervalo atirou às malhas laterais e, aos 69", levou a bola a passar rente ao poste.

Florentino 6
Deu os equilíbrios defensivos que a equipa precisava sem grandes brilhantismos, mas sem reparos. Seguro.

Enzo Fernández 8
Parece ter um radar na cabeça e só precisa de milésimos para lançar os atacantes no espaço aberto. Mostrou isso logo nos instantes iniciais, com Gonçalo Ramos, e foi repetindo, com sucesso, passes longos bem teleguiados. Defendeu, pôs a equipa a mexer e ainda fez um bom golo, sobre o intervalo, com a mesma simplicidade com que distribui jogo.

David Neres 6
Voltou a apresentar pormenores técnicos que arrancam aplausos dos adeptos, mas, desta vez, com menos valor para o rendimento da equipa do que noutros momentos. Na segunda parte pareceu algo desgastado antes de sair.

João Mário 5
Estava com uma exibição equilibrada, ele que ainda iniciou o lance do 1-0, até sair devido a lesão.

Gonçalo Ramos 6
Ajudou no 3-0 ao ganhar um duelo aéreo na área contrária e acertou na barra, no lance do 2-0. Não foi muito feliz na finalização, mas deu trabalho.

Chiquinho 6
Entrou bem no jogo e procurou faturar em duas ocasiões, 65" e 67", algo que não conseguiu por pouco.

Bah 6
Manteve a intensidade que Gilberto estava a apresentar e criou uma série de cruzamentos perigosos, acabando por fazer a assistência para o 4-0.

Weigl 5
Sem brilho extra, manteve a equipa equilibrada.

Henrique Araújo 5
Móvel, mas sem espaço.

Yaremchuk 6
Entrou solto e agitou o ataque, podendo ter marcado aos 76". -Pedro Miguel Azevedo