Benfica reage à ação cível contra Vieira: promessa de consequências e "calúnia"

Benfica reage à ação cível contra Vieira: promessa de consequências e "calúnia"

Advogado e sócio do Benfica, Jorge Mattamouros, avançou com ação cível que aponta à destituição de Luís Filipe Vieira.

O Benfica reagiu, através de comunicado, à ação cível interposta pelo advogado Jorge Mattamouros, sócio encarnado há 27 anos, contra Luís Filipe Vieira, por entender que o presidente do clube encarnado utilizou dinheiro do clube "na esfera pessoal".

"A Direção do Benfica está profundamente indignada com mais um atentado à dignidade da instituição; Para agredir o Benfica, por via judicial, basta ter papel, lápis, advogado e pagar as custas; Como se vê, toda a calúnia pode chegar a Tribunal, mesmo que desprovida de qualquer fundamento", assinalam as águias, que prometem que "autor desta ação sofrerá todas as consequências patrimoniais e associativas por agredir o Benfica com a única finalidade de se promover."

O Benfica lembra ainda que Mattamouros é "apoiante e cunhado" de João Noronha Lopes, candidato derrotado por Vieira nas últimas eleições do clube, e deixa uma alfinetada: "É tempo, de uma vez por todas, para quem perdeu as eleições aceitar os resultados ditados pelos sócios e respeitar o mandato em curso."

Leia o comunicado do Benfica na íntegra:

"Perante este anúncio, de uma Ação com vista à destituição de todos os Órgãos Sociais, Presidente incluído, cumpre ao Sport Lisboa e Benfica adotar as seguintes posições:

1 - A Direção do Sport Lisboa e Benfica está profundamente indignada com mais um atentado à dignidade da instituição;

2 - Para agredir o SLB, por via judicial, basta ter papel, lápis, advogado e pagar as custas;

3 - Como se vê, toda a calúnia pode chegar a Tribunal, mesmo que desprovida de qualquer fundamento;

4 - O autor desta Ação sofrerá todas as consequências patrimoniais e associativas por agredir o Benfica com a única finalidade de se promover.

5 - É tempo, de uma vez por todas, para quem perdeu as eleições aceitar os resultados ditados pelos sócios e respeitar o mandato em curso.

6 - Cumpre ainda esclarecer todos os sócios do Benfica que o autor desta Ação é apoiante e cunhado do candidato derrotado às últimas eleições, João Noronha Lopes."