Exclusivo Benfica: jogadores emprestados em análise após um ano a marcar passo

Benfica: jogadores emprestados em análise após um ano a marcar passo
Pedro Miguel Azevedo

Tópicos

Ferro, Florentino, Tomás Tavares e Carlos Vinícius, com taxas de utilização baixas em 2020/21, podem iniciar a preparação às ordens de Jorge Jesus. Gedson e Tiago Dantas espreitam vaga

Sem espaço no plantel do Benfica na última temporada, vários foram os jogadores mandados para outras paragens, no arranque da época ou na janela do início do ano. Agora, o balanço mostra uma realidade preocupante para a estrutura do futebol benfiquista, pela ausência de aproveitamento das oportunidades e, sobretudo, pelo facto de nenhum clube ter optado por manter os atletas cedidos pelas águias.

Os números estão a ser analisados pelos responsáveis encarnados e dessa avaliação resultará um plano para futuras cedências mais proveitosas, mas da lista da última época é certo que o tempo de utilização não irá condizer com as escolhas tomadas para o arranque de 2021/22.