Samaris recusa deixar Benfica e apresenta-se sexta-feira

Samaris recusa deixar Benfica e apresenta-se sexta-feira
Sérgio André

Tópicos

Médio grego regressa esta terça-feira a Lisboa já totalmente recuperado de uma intervenção cirúrgica

Está nos planos do Benfica esvaziar o meio-campo, antes de o reconfigurar para a nova temporada, e um dos jogadores que não entram nas contas benfiquistas, com o aval de Jorge Jesus, é Samaris.

O jogador grego regressa hoje a Lisboa para preparar a sua apresentação, na sexta-feira, no arranque da nova temporada e, apurou O JOGO, nos seus planos não está a saída do plantel encarnado. Com mais dois anos de vínculo ao Benfica, Samaris continua a sentir-se bem de águia ao peito e a considerar que tem condições para ser uma opção válida para o treinador.

Contrariamente à intenção dos responsáveis benfiquistas, que visam a sua saída também para poupar no elevado salário que o jogador aufere e que se aproxima quase dos dois milhões de euros líquidos por ano, o camisola 22 não tem qualquer intenção de acertar a quebra contratual. Para a SAD, e tendo em conta a necessidade de abater na folha salarial e abrir vagas para a entrada de reforços, o desfecho que está planeado aponta para a saída do jogador de 32 anos, até por não ser considerado opção de primeira linha por Jorge Jesus.

Na última época, e com lesões pelo meio, Samaris jogou 269 minutos, repartidos por nove jogos, o que prova essa avaliação técnica. Certo é que Samaris volta a Lisboa a pensar na nova temporada e totalmente recuperado da lesão que o levou à sala de cirurgias. O grego foi operado em Madrid a 26 de março ao tendão de Aquiles direito, para debelar uma "tendinopatia cálcica insercional". Esteve, desde então, a realizar tratamento e fisioterapia durante as férias e apresenta-se já apto.