Petit volta a abordar penálti: "Tenho melhorado a nível de protestar com os árbitros..."

Petit volta a abordar penálti: "Tenho melhorado a nível de protestar com os árbitros..."

Treinador do Belenenses após o empate, 2-2, em Alvalade, no qual o Sporting marcou o segundo golo no último lance da partida, na conversão de um penálti.

Perto de conseguir a vitória: "Como tinha dito, íamos trabalhar para conseguir três pontos, estivemos perto. Tenho de estar feliz pelo que jogadores fizeram e têm trabalhado, e triste por vê-los cabisbaixos e tristes porque estavam perto de conseguir os três pontos."

Penálti: "Um penálti a acabar custa muito. Há um movimento do Esgaio, que está de costas, tem de rodar, não pode rodar com os baixos atrás. A bola bate no braço a rodar. Há que respeitar a decisão, mas eu fui jogador e são movimentos em que não podemos ter os braços cá [no peito], mas sim rodar os apoios para poder saltar. Temos de respeitar a decisão, mas fica essa revolta de não temos conseguido conquistar os três pontos."

Já viu o lance? "Vi, como disse, são movimentos que quem foi jogador sabe que não pode levar os braços aqui [no peito], para poder ter mais elevação e poder ter os apoios, tem de rodar, para ver de onde a bola pode vir, ele ainda tenta [que a bola não toque], mas foi a decisão do arbitro, há que respeitar. Nos últimos anos tenho melhorado a nível de protestar com os árbitros e de falar mal dos árbitros, porque era muitas vezes expulso. Somos todos humanos, temos de respeitar as decisões e o Nuno almeida optou por marcar esse penálti que nos custou dois pontos, mas tem de nos dar força já para segunda-feira."