"O que provoca saudades é o apoio às equipas e não 'xingar' o adversário"

"O que provoca saudades é o apoio às equipas e não 'xingar' o adversário"
Redação com Lusa

Tópicos

Declarações de Franclim Carvalho, treinador do Belenenses, após o empate a dois golos em casa do Estoril, na ronda 31 do campeonato.

Duas partes diferentes: "Parece-me que a condução da segunda parte do jogo fez com que se tornasse frenético. Na primeira parte fomos pouco objetivos, a segunda teve um só sentido, só me lembro de um remate do Rosier por cima. A ambição faz parte de nós, a manutenção é um objetivo que temos e vamos cumprir."

Futuro: "Temos três finais, a começar já pelo Braga, no que será um jogo importante para nós. Ouvi o míster Carvalhal e espero que concretize os dois desejos, o de o Vizela ficar na I Liga, e nós também. Não vou ser repetitivo, não adianta olhar para a classificação e para o que os adversários fazem ou não. Vamos em busca de três pontos já no próximo jogo."

Evolução: "Não faço magia, os jogadores são os mesmos, só fizemos uma substituição e só lhes disse que precisávamos de ser mais objetivos no último terço, pois tinha a certeza de que íamos fazer golo. Em todos os jogos tivemos sempre oportunidades e fizemos golos às melhores defesas do campeonato, FC Porto, Benfica e Sporting."

Adeptos: "Acho que o futebol é um desporto bonito e que são precisos os adeptos, vimos isso na pandemia. O que provoca saudades é o apoio às equipas e não estar a xingar o adversário. Esbocei um sorriso porque faltam três jogos, estamos na luta e vamos ver".