Inácio após nova derrota do Aves: "Não foi tão grave"

Inácio após nova derrota do Aves: "Não foi tão grave"

Augusto Inácio, treinador do Aves, considera que a equipa melhorou apesar de sofrer nova derrota pesada, agora em Guimarães.

Sobre nova derrota: "Hoje não foi tão grave como em Vila do Conde, embora seja sempre grave sofrer cinco golos. A defesa do Aves, recordo, é praticamente nova. Na primeira parte estivemos praticamente bem e com atitude. Na segunda parte, a perder por 2-1... Eu não gosto de falar disto, até gosto bastante do Nuno Almeida [árbitro do jogo], mas há uma falta antes do canto que dá o segundo golo. É por pormenor, mas é um facto"

A goleada: "A perder por 2-1 e a faltar 25 minutos tenho de arriscar. Sabia que a faltava coesão defensiva e que estava sujeito a sofrer mais golos. O que fica na retina é a primeira parte em que já mostrámos alguma coisa. Este é um processo difícil e muitas vezes as pessoas não entendem e querem resultados imediatos. A equipa é praticamente nova, estas semanas tivemos os centrais lesionados, tive de ir buscar um miúdo à equipa sub-23..."