Armando Evangelista: "Luz, Benfica-Arouca e Manuel Mota não combinam mesmo"

Armando Evangelista: "Luz, Benfica-Arouca e Manuel Mota não combinam mesmo"

Declarações do treinador do Arouca, Armando Evangelista, após o desaire na Luz por 4-0 na primeira jornada da Liga

O jogo: "Foi um jogo de dificuldade elevada. Sentimos que é um bom momento, embora prematuro. Estreando o número de jogadores que estreamos acho que não podiam ter melhor batismo para saber o valor e dificuldades que vão ter nesta Liga. Deu para apalpar o pulso ao que vamos ter pela frente. Já no ano passado jogámos na Luz com menos um elemento. Luz, Benfica-Arouca e Manuel Mota não combinam mesmo. A relação não casa... Na segunda parte procuramos trabalhar um sistema diferente, aproveitar o grau de dificuldade elevada consolidar um esquema que estamos a trabalhar."

Objetivos: "É a manutenção. É óbvio. Quanto mais cedo melhor. Sabemos que é a nossa luta, são os nossos objetivos. Estreámos vários atletas e foi positivo sentirem o pulso da Liga, para acelerar o crescimento nesta Liga. Mas é preciso tempo. Temos de fazer a acelerar, porque o tempo no futebol vale o que vale. É uma corrida contra o tempo. Isto já não pára".