Falso alarme na ameaça à bomba em arranha-céu de Madrid

Falso alarme na ameaça à bomba em arranha-céu de Madrid

Pessoas retiradas do edifício de escritórios já regressaram ao seu local de trabalho.

A ameaça de bomba no arranha-céu Torre Espacio, uma das quatro torres emblemáticas do Passeio da Castelhana, em Madrid, foi um falso alarme e as pessoas retiradas do edifício de escritórios já regressaram ao seu local de trabalho.

O alarme tinha sido dado às 12h25 (11h25 em Portugal continental) com uma chamada telefónica para a embaixada da Austrália, que assim como as representações diplomáticas do Reino Unido, Canadá, e Holanda se situa no edifício, com 235 metros e 57 andares, mais seis de estacionamento com 1.270 lugares para automóveis.

A Polícia Nacional espanhola, em colaboração com os bombeiros, serviços médicos e agentes de mobilidade da cidade, apoiaram a evacuação do arranha-céu que entretanto voltou a ser ocupado por quem aí trabalha.

As forças de segurança revistaram o edifício e agora investigam o autor da chamada com a ameaça de bomba.