Descarrilamento de um comboio Alfa pendular em Soure

Descarrilamento de um comboio Alfa pendular em Soure

A composição terá embatido num veículo de reparação de catenárias que se encontrava na linha, tendo o maquinista ficado encarcerado.

O descarrilamento de um comboio Alfa pendular, em Soure, está a envolver mais de cem operacionais e 36 viaturas em Soure, no distrito de Coimbra. A Linha do Norte está cortada.

O Comando Distrital de Operações de Socorro de Coimbra ainda não consegue aferir a gravidade da situação. Ao que o JN conseguiu apurar, estão a ser mobilizados mais meios para o local.O mesmo Comando Distrital de Operações de Socorro refere que "há vítimas encarceradas".

A circulação na Linha do Norte está interrompida nos dois sentidos. O comboio Alfa Pendular número 143, descarrilou entre Soure e Vila Nova de Anços, após ter embatido numa dresina (veículo de inspeção) da IP - Infraestruturas de Portugal, confirmou o Dinheiro Vivo junto da gestora ferroviária.

O descarrilamento do comboio, que seguia no sentido Sul-Norte, ocorreu após o embate entre o Alfa Pendular e uma máquina de trabalho, tendo o alerta sido dado às 15:30, afirmou fonte da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC).

O embate terá ocorrido na zona de Casalinhos, concelho de Soure. De acordo com a mesma fonte, estão a ser mobilizados para o local 39 veículos com 110 operacionais."Há meios já no local e outros a caminho", disse fonte da ANPC, referindo que ainda não há dados sobre possíveis vítimas.