Adepto do Hajduk Split detido já foi libertado e não vai poder ir ao futebol

Adepto do Hajduk Split detido já foi libertado e não vai poder ir ao futebol
Redação

Conhecidas as medidas de coação para o adepto croata que na quarta-feira à noite agrediu jornalistas em Guimarães

O adepto croata, do Hajduk Split, que foi detido por agressões a jornalistas no exercício das suas funções, após o desafios daquela equipa contra o V. Guimarães na quarta-feira, já foi libertado e ficou a conhecer as medidas de coação.

Ficou com pena suspensa de um ano e três meses e proibido de frequentar recintos desportivos durante um ano, além de ter de pagar uma indemnização aos três lesados. Os tribunais portugueses vão comunicar as medidas aos da Croácia, para que se cumpram as medidas de coação.

O adepto, de 22 anos, estava indiciado por ofensas à integrade física de jornalistas no exercício das suas funções.