Pelo menos 20 mortos em ataque a mercado e autocarro de crianças no Iémen

Pelo menos 20 mortos em ataque a mercado e autocarro de crianças no Iémen
Lusa

Pelo menos 20 pessoas morreram, incluindo crianças, e 35 ficaram feridas hoje durante os ataques aéreos que atingiram um mercado movimentado e um autocarro no norte do Iémen, de acordo com líderes tribais.

Os responsáveis tribais culpam a coligação liderada pela Arábia Saudita pelos ataques que atingiram a zona de um mercado muito movimentado em Dahyan, na província de Saada, um reduto dos rebeldes xiitas conhecidos como Huthis.

A coligação não comentou estes ataques no norte do Iémen.

Os líderes tribais falaram à imprensa sob condição de anonimato por medo de represálias.

O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), através de uma mensagem na rede social Twitter, indicou que um hospital apoiado pela organização recebeu dezenas de mortos e feridos.

Na capital do Iémen, Sanaa, a televisão Al Masirah, controlada pelos rebeldes, referiu que o ataque matou 39 pessoas e feriu outras 51, principalmente crianças.

A agência de notícias francesa (AFP) diz que dezenas de pessoas morreram quando um autocarro que levava crianças foi atingido perto de um mercado em Dahyan, na província de Saada.