CGD: PS indica quatro vice-presidentes da bancada para efetivos na comissão de inquérito

CGD: PS indica quatro vice-presidentes da bancada para efetivos na comissão de inquérito
Lusa

O PS indicou hoje quatro dos seus vice-presidentes para integrar a futura comissão de inquérito parlamentar à gestão da Caixa Geral de Depósitos (CGD) e escolheu como coordenador da equipa o deputado João Paulo Correia.

Além de João Paulo Correia, entre os sete efetivos socialistas, figuram na lista divulgada pelo PS os vice-presidentes da bancada socialista Fernando Rocha Andrade, João Marques e Carlos Pereira.

São também elementos efetivos da comissão de inquérito, pelo lado do PS, a ex-ministra Constança Urbano de Sousa, Isabel Moreira e o ex-secretário de Estado Jorge Gomes. Como suplentes, o PS indicou os deputados Jamila Madeira, Marcos Perestrelo e Fernando Anastácio.

De acordo com o jornal Expresso, a comissão de inquérito parlamentar sobre a gestão da CGD, a terceira na presente legislatura sobre o banco público, será presidida pelo ex-dirigente do Grupo Parlamentar do PSD Luís Leite Ramos.

Pela parte do Bloco de Esquerda, sabe-se também que a dirigente Mariana Mortágua integrará esta comissão de inquérito como efetivo, tendo como suplentes Jorge Costa e Ernesto Ferraz.

Na semana passada, a Assembleia da República aprovou por maioria uma nova comissão de inquérito à gestão na Caixa Geral de Depósitos (CGD) entre 2000 e 2015.

Na votação, PCP, Verdes e o deputado não inscrito Paulo Trigo Pereira abstiveram-se, tendo as restantes bancadas votado a favor (PS, PSD, CDS, BE e PAN) da comissão de inquérito à gestão do banco público.