Concurso de conto infantil em Cabeceiras de Basto promove mosteiro beneditino

Concurso de conto infantil em Cabeceiras de Basto promove mosteiro beneditino
Lusa

Os trabalhos concorrentes à 12.ª edição do concurso literário de conto infantil de Cabeceiras de Basto têm de fazer "pelo menos" uma alusão ao Mosteiro de São Miguel de Refojos, ex-líbris daquele concelho, anunciou hoje o município.

Em comunicado, o município refere que o concurso se destina a promover e a consolidar hábitos de leitura e de escrita, valorizando a expressão literária, divulgando autores portugueses e enaltecendo a cultura, a história, as gentes e os lugares de Cabeceiras de Basto.

O concurso já deu origem à publicação de duas coletâneas literárias que reúnem os trabalhos vencedores das onze anteriores edições.

Este ano, o Concurso Literário Nacional - Conto Infantil de Cabeceiras de Basto integra o programa cultural "Mosteiro de Emoções", promovido pelo município para divulgar o Mosteiro Beneditino de S. Miguel de Refojos.

Por isso, os contos concorrentes têm de fazer pelo menos uma referência àquele mosteiro.

Os três primeiros classificados receberão prémios no valor de 600, 350 e 250 euros, respetivamente, havendo ainda lugar a uma menção honrosa, no valor de 200 euros, para o melhor jovem escritor.

Os concorrentes não podem ter nenhum livro publicado na área da literatura.

O concurso será apresentado publicamente a 17 de março na Livraria Lello, no Porto.