Benfica vence Braga e isola-se na liderança do campeonato feminino

Benfica vence Braga e isola-se na liderança do campeonato feminino

Triunfo das encarnadas por quatro golos sem resposta.

O Benfica venceu o Braga por 4-0, em partida em atraso da terceira jornada da fase de apuramento do campeão da I Liga portuguesa de futebol feminino, e isolou-se provisoriamente no comando da classificação.

Apenas três dias depois de baterem as mesmas adversárias por 2-1, na partida da 10.ª jornada, as encarnadas voltaram a somar os três pontos e aproveitaram o facto de o Sporting só disputar o seu encontro dessa ronda em 5 de maio para se isolarem com 27 pontos, mais dois que as leoas.

Frente a um Braga que, na primeira parte, só aos 26 rematou com algum perigo, mas ao lado, por Andreia Norton, o Benfica foi sempre a equipa mais esclarecida sobre o relvado e podia ter ido para o intervalo com uma vantagem ainda mais alargada do que os 2-0 que se verificavam.

Nycole (30) inaugurou o marcador, de grande penalidade, a castigar derrube de Cloé Lacasse, antes de sair lesionada aos 41 minutos, dando o seu lugar a Marta Cintra que não precisou de mais do que três minutos em campo para ampliar a vantagem das "águias", aos 44 minutos.

Depois, à "revolução" operada pelo técnico do Sporting de Braga ao intervalo, com três substituições de uma assentada, o Benfica respondeu com um "bis" de Francisca Nazareth (47 e 55), assistida por Cloé Lacasse, no final de uma jogada típica de jogo interior, e num remate de primeira na "ressaca" de um lance de bola parada.

Com o triunfo praticamente garantido, o Benfica abrandou o ritmo, mas nem por isso deixou de criar diversas oportunidades e esteve sempre mais perto de dilatar a vantagem do que as bracarenses de reduzir, especialmente quando Francisca Nazareth falhou o "hat-trick" em duas ocasiões, com remates aos postes já no tempo de compensação.

Jogo no Benfica Futebol Campus, no Seixal.

Benfica - Braga, 4-0.

Ao intervalo: 2-0.

Marcadoras:

1-0, Nycole, 30 minutos (grande penalidade).

2-0, Marta Cintra, 44.

3-0, Francisca Nazareth, 47.

4-0, Francisca Nazareth, 55.

Equipas:

- Benfica: Letícia, Catarina Amado (Matilde Fidalgo, 58), Sílvia Rebelo (Ana Seiça, 68), Carole Costa, Lúcia Alves (Mariana Dantas, 75), Pauleta, Andreia Faria, Beatriz Cameirão (Christy Ucheibe, 62), Francisca Nazareth, Nycole (Marta Cintra, 41) e Cloé Lacasse.

(Suplentes: Carolina Vilão, Ana Seiça, Matilde Fidalgo, Marta Cintra, Jolina, Christy Ucheibe e Mariana Dantas).

Treinadora: Filipa Patão.

- Braga: Lu, Rayanne Machado (Barbosinha, 85), Inês Maia (Érica da Costa, 46), Diana Gomes (Nágela Andrade, 46), Ágata Filipa, Dolores Silva, Sofia Silva, Regina Pereira (Cindi Konig, 87), Andreia Norton, Ana Teles (Laura Luís, 46) e Jermaine Seoposenwe.

(Suplentes: Leonor, Laura Luís, Cindi Konig, Nágela Andrade, Érica da Costa, Eduarda Silva e Barbosinha).

Treinador: Miguel Santos.

Árbitra: Ana Afonso (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Ana Teles (40), Sofia Silva (67) e Dolores Silva (83).

Assistência: jogo disputado à porta fechada devido à pandemia de covid-19.