Kátia Aveiro, irmã de Ronaldo, já deixou o hospital e fala em "gratidão"

Kátia Aveiro, irmã de Ronaldo, já deixou o hospital e fala em "gratidão"
Redação

Irmã de Cristiano Ronaldo desenvolveu uma pneumonia e esteve internada no Hospital Dr. Nélio Mendonça, no Funchal.

Kátia Aveiro, irmã de Cristiano Ronaldo, já deixou o Hospital Dr. Nélio Mendonça, onde esteve internada infetada com covid-19, tendo desenvolvido uma pneumonia. Nas redes sociais, deu conta da notícia.

Só Deus sabe o que eu esperei por este momento. Já estou em casa. Gratidão é o meu sentimento. Obrigada Deus. Obrigada a todos os profissionais que se cruzaram neste caminho um pouco assustador. Obrigada família, sempre perto mim.(mesmo longe). E obrigada a vocês pelo carinho incrível que recebi nestes dias", escreveu no Instagram.

De recordar que Kátia Aveiro se havia referido à pandemia de covid-19 como a "maior fraude" a que assistiu, na altura do teste positivo de Cristiano Ronaldo. "Se tem que ser Cristiano Ronaldo a fazer acordar o Mundo, tenho que dizer que este português é mesmo um enviado de Deus. Obrigada! Acredito que hoje uns bons milhares vão passar a acreditar tanto nesta pandemia, nos testes e nas medidas tomadas como eu... Maior fraude a que assisti desde que nasci", afirmara, na altura.

A sua opinião provocou uma onda de críticas nas redes sociais, pelo que, no dia seguinte, se viu obrigada a esclarecer a sua opinião. "O vírus não é uma treta, existe sim, mas existem tantas doenças também que temos que respeitar de igual modo. Eu respeito muito o vírus, sim, nunca direi o contrário, ninguém está livre desta doença nem de outras, mas não concordo com parar o Mundo... Tem gente que deixou de trabalhar, com doenças psicológicas, desesperada para se matar. É isso que também tem de ser respeitado. Todos têm as suas dores", escreveu.