João Sousa confiante para o Open da Austrália

João Sousa confiante para o Open da Austrália

O tenista português perdeu na final do torneio de Auckland diante de Jack Sock.

O português João Sousa reconheceu que não conseguiu manter o nível na final do torneio de ténis de Auckland, mas, apesar da derrota, manifesta-se confiante para o Open da Austrália, que arranca na segunda-feira.

Na final do torneio neozelandês, o número um português foi derrotado pelo norte-americano Jack Sock, 23.º do 'ranking' mundial, por 6-3, 5-7 e 6-3. "Infelizmente hoje não consegui vencer o meu terceiro título", lamentou João Sousa, que na sua oitava final no circuito ATP procurava repetir os triunfos obtidos em Kuala Lumpur, em 2013, e Valência, Espanha, em 2015.

"Não consegui jogar ao mesmo nível que tinha vindo a jogar, se calhar também por mérito do Jack, que fez um excelente encontro, serviu muito bem. Não estive mal, joguei bem, mas não joguei ao mesmo nível, agressivo e com a mesma determinação de pernas que tive nos outros dias e que gostaria de ter tido nesta final. Mas o ténis é assim, nem sempre se joga todos os dias bem. Ele fez um excelente encontro, só tenho de lhe dar os parabéns", afirmou o vimaranense, em declarações divulgadas pela sua assessoria de imprensa.

João Sousa, número 44 do mundo, tinha-se qualificado para a final na sexta-feira, ao vencer o cipriota Marcos Baghdatis (36.º), enquanto Jack Sock tinha vencido o também norte-americano Steve Johnson, qualificando-se pela segunda vez consecutiva para a final do torneio neozelandês.

"Fica uma semana muito boa, em que me senti muitíssimo bem a jogar. A primeira semana do ano só poderia ter sido melhor se vencesse aqui o torneio. Estou obviamente triste por não ter conseguido, mas dá-me confiança para enfrentar agora o primeiro 'Grand Slam' da temporada. Agora, é recuperar e trabalhar para poder um bom nível. Vamos dar tudo por tudo para fazer um bom torneio", completou Sousa, referindo-se ao Open da Austrália.

João Sousa, de 27 anos, deverá iniciar a sua quinta participação no Open da Austrália na terça-feira, sabendo que vai defrontar Jordan Thompson (75.º), um jogador local. O outro português em prova, Gastão Elias, faz a sua estreia absoluta no primeiro 'major' do ano na segunda-feira, também frente a um tenista da casa, o bem mais cotado Nick Kyrgios (14.º).