Thierry Neuville ataca o tri, mas é Ostberg quem vence em Lousada

Thierry Neuville ataca o tri, mas é Ostberg quem vence em Lousada

O belga da Hyundai, a par de Mats Ostberg, foi o mais rápido na superespecial de Lousada

Thierry Neuville (Hyundai) foi o mais rápido na super especial de Lousada, classificativa de arranque da edição 2017 do Rali de Portugal, e seria o primeiro líder da sexta prova da temporada do Mundial, não fosse Mats Ostberg, em Ford Fiesta WRC, ter feito exatamente o mesmo tempo. No site oficial do campeonato, a liderança da prova portuguesa é atribuída ao norueguês.

Vencedor na Córsega e na Argentina, as duas provas anteriores, o belga da marca sul-coreana cumpriu os 3,36 quilómetros na pista da Costilha em 2m36,5 segundos, a mesma marca do norueguês Mats Ostberg, ao volante de um Ford Fista WRC de 2017.

Hayden Paddon, também em Hyundai, ficou a 0,1 segundos dos dois primeiros, e Elfin Evans a 0,4s, seguindo-se Dani Sordo e Sébastien Ogier.

Miguel Campos (Skoda) foi o português mais rápido.

Classificação do Rali de Portugal, sexta prova do campeonato do mundo, após a superespecial de abertura, em Lousada, Porto:

1. Mads Ostberg/Ola Floene, Nor (Ford Fiesta), 2.36,6 minutos

. Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul, Bel (Hyundai i20), m.t.

3. Hayden Paddon/John Kennard, Nzl (Hyundai i20), a 0,1 segundos.

4. Elfyn Evans/Craig Parry, GB (Ford Fiesta), a 0,4.

5. Dani Sordo/Marc Marti, Esp (Hyundai i20), a 0,5.

6. Sébastien Ogier/Julien Ingrassia, Fra (Ford Fiesta), a 0,7.

7. Stéphane Lefebvre/Gabin Moreu, Fra (Citroën C3), a 1,5.

. Jari-Matti Latvala/Mikka Antilla, Fin (Toyota Yaris), m.t.

9. Juho Hanninen/Kaj Lindstrom, Fin (Toyota Yaris), a 1,9.

10. Kris Meeke/Paul Nagle, GB/Irl (Citroën C3), a 2.