"Falam da limpeza das estradas, mas não há nenhuma"

"Falam da limpeza das estradas, mas não há nenhuma"

As declarações dos principais pilotos após a conclusão das primeiras passagens por Viana do Castelo, Caminha e Ponte de Lima no segundo dia do Rali de Portugal, sexta prova da temporada do Mundial

"Não foi o melhor para mim, nem a mais fácil. Vou ter de fazer várias mudanças nas minhas notas para ver se não perco mais tempo"

Jari-Matti Latvala, Toyota

"Estou contente, está a ser uma boa corrida. Falam aqui da limpeza das estradas, mas não há nenhuma. Estou a lutar com os trilhos. Um carro feliz significa um piloto feliz".

Kris Meeke, Citroen

"O carro está um prazer absoluto. Nunca conduzi algo tão fantástico na minha vida. Faz exatamente o que eu quero e isso é uma ótima sensação".

Craig Breen, Citroen

O francês e tetracampeão do mundo Sébastien Ogier (Ford Fiesta) segue no quinto lugar, a 4,8 do finlandês, depois de cumprir a obrigação de 'limpar a estrada', inerente à liderança do Mundial.

"Fiz o melhor que pude. Sem cometer erros, não podia forçar mais. Temos de lutar"

Sebastien Ogier, Ford

"O carro parou a dois quilómetros do fim. Perdemos toda a força, tive de parar e reiniciar. Mas, calma, não vamos ficar frustrados com isso",

Hayden Paddon, Hyundai

"Fiquei com a sensação que tinha conseguido um bom tempo, mas afinal não. Perdi tempo no final e nem sei porquê

Thierry Neuville, Hyundai