Clube esloveno contratou avançado pela internet

Clube esloveno contratou avançado pela internet

O NK Domzale precisava de um lateral-direito ofensivo para um esquema de 3x4x3 e o treinador colocou o anúncio na LinkedIn. Em três dias, teve 150 respostas e escolheu o espanhol Álvaro Brachi.

Num tempo em que quase tudo pode resolver-se pela internet, Luka Elsner, treinador dos eslovenos do NK Domzale, entendeu que a rede social LinkedIn serviria perfeitamente para recrutar o lateral-direito ofensivo que procurava para integrar num esquema de 3x4x3. Anunciou a oferta e, em três dias, recebeu de volta 150 potenciais reforços. Entre eles, encontrou o do espanhol Álvaro Brachi, 30 anos, que estava livre, depois de, nas últimas épocas, ter representado o Videoton, um dos mais fortes clubes da Hungria, e do insólito processo de recrutamento fez-se o contrato.

"Era a melhor maneira de obter a maior informação possível, rapidamente. Creio que acertámos na contratação", declarou o treinador ao diário desportivo francês L'Équipe.