Federação reage à polémica criada pela proposta do PSD

Federação reage à polémica criada pela proposta do PSD

PSD propôs retirar aos clubes e dar à direção da FPF a elaboração dos regulamentos de arbitragem e de disciplina e O JOGO procurou uma reação por parte da federação.

Depois da polémica criada pela proposta do PSD, que propôs retirar aos clubes e dar à direção da FPF a elaboração dos regulamentos de arbitragem e de disciplina, O JOGO procurou uma reação por parte da federação. Fonte oficial contactada pelo nosso jornal diz que "a FPF está contente com o poder que tem", em resposta à controvérsia gerada.

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional, recorde-se, também reagiu, emitindo um comunicado. "A LPFP e as Sociedades Desportivas repudiam veementemente esta proposta e apelam ao bom senso dos demais Grupos Parlamentares e ao Governo para não aceitarem compactuar com esta proposta, que mais não representa que o fim do futebol profissional em Portugal", surge escrito.

"É lamentável a forma quase clandestina como a proposta está a ser apresentada, para efeitos de votação, ao Grupo de Trabalho do Desporto da Comissão Parlamentar de Cultura, Comunicação, Cultura e Desporto da Assembleia da República", acusa ainda.