Santa Clara cola-se a Académico de Viseu na liderança

Santa Clara cola-se a Académico de Viseu na liderança

O Santa Clara venceu este domingo o Covilhã, por 2-1, e colou-se na liderança da II Liga ao Académico de Viseu, que no sábado derrotou o Sporting B (1-2), à passagem da segunda jornada.

Académico de Viseu e Santa Clara são as únicas equipas que contam por vitórias os dois jogos realizados, somando os respetivos seis pontos, à frente de um trio com quatro pontos, composto por Famalicão, União da Madeira e Oliveirense.

O Sporting da Covilhã, com duas derrotas, é a única equipa que ainda não somou qualquer ponto, sendo por isso o último classificado, e Nacional e Penafiel, respetivamente 13.º e 14.º, somam dois empates cada.

Em Ponta Delgada, o Sporting da Covilhã chegou à vantagem por Adul Seidi, aos 28 minutos, mas o Santa Clara empatou por Thiago Santana, aos 42, e concretizou a reviravolta por Osama Rashid (2-1), aos 72.

O Famalicão, que venceu o Arouca na ronda inaugural (2-0), garantiu, nos últimos minutos, o empate 1-1 em casa do Penafiel, que repetiu os números da visita ao Nacional na primeira jornada.

Fábio Fortes, aos 55 minutos, para o Penafiel, e Poulson, nos descontos (90+2), para o Famalicão, marcaram os golos do encontro, disputado em toada morna e com a equipas a apostarem no erro do adversário.

Vitória de Guimarães B e Oliveirense empataram 0-0, num jogo equilibrado e pouco intenso, que permitiu à formação de Oliveira de Azeméis contabilizar mais um ponto aos três já amealhados e aos donos do terreno somar o primeiro ponto na competição.

No Seixal, Benfica B e Nacional empataram a 2-2, numa partida em que os insulares estiveram a vencer por duas vezes, com golos de João Camacho, aos 28 minutos, e Ricardo Gomes, aos 69, mas que Alan Júnior anulou, ao bisar aos 60 e 85.

Arouca e FC Porto B, que vinham de derrotas na primeira jornada, frente ao Famalicão (2-0) e Gil Vicente (1-2), respetivamente, empataram 2-2 e somaram o primeiro ponto.

Luizão inaugurou o marcador para o FC Porto B, aos 12 minutos, Nuno Valente empatou, aos 49, Rui Moreira voltou a colocar os 'dragões' em vantagem, aos 50, e o Arouca alcançou o empate definitivo por Paloceviv, aos 62.

O Cova da Piedade venceu em casa do Gil Vicente, por 2-1, que vinha de uma vitória frente ao FC Porto B (1-2), num jogo morno, e conquistou os primeiros três pontos, após a derrota na receção ao Santa Clara (1-2).

Daniel Almeida, aos 44 minutos, e Dieguinho, aos 47, de grande penalidade, foram os marcadores dos golos do Cova da Piedade. João Pedro ainda reduziu para o Gil Vicente, aos 90.

Na Ribeira Brava, dois golos na primeira parte, por Júnior, aos 30 segundos, e Romaric, aos 30 minutos, permitiram ao União da Madeira vencer o atual detentor do Campeonato de Portugal, o Real Massamá, que havia vencido na jornada inaugural o Leixões, por 4-1.

Dois golos de Ricardo Barros, aos 03 e 50 minutos, permitiram também ao Leixões somar os primeiros três pontos na prova, com um triunfo por 2-1 sobre o Varzim, em Matosinhos, que ainda reduziu por Diogo Ramos, aos 90+5 minutos.