Famalicão empata nos descontos em casa do Penafiel

Famalicão empata nos descontos em casa do Penafiel

O Famalicão garantiu este domingo, nos últimos minutos, o empate em casa do Penafiel, por 1-1, num jogo equilibrado da segunda jornada da II Liga.

Fábio Fortes, aos 55 minutos, para o Penafiel, e Poulson, nos descontos, aos 90+2, para o Famalicão, foram os autores dos golos.

Num dia bastante o quente em Penafiel, a partida iniciou-se bastante lenta, com as duas equipas a jogarem no erro do adversário.

Nos primeiros minutos, as oportunidades de golo foram quase nulas, com o jogo a ganhar algum ritmo a partir dos 20 minutos.

O Penafiel começou por assumir o comando, no entanto, os famalicenses não perderam o rumo e voltaram a equilibrar a partida dando algum trabalho ao guardião da formação da casa.

No segundo tempo, o Penafiel ajustou-se e entrou mais dominante e perigoso em termos ofensivos. Na defesa, apresentaram-se mais coesos e organizador.

O Famalicão, por outro lado, sentiu mais dificuldades em acompanhar o adversário e, por isso mesmo, acabou por sofrer um golo aos 10 minutos do segundo tempo.

Aos 55 minutos, Fábio Fortes, após um cruzamento na esquerda de José Gomes, tentou um pontapé de bicicleta, que foi travado pela defesa do Famalicão. Na confusão do lance, novamente Fábio Fortes dispara à baliza e abriu o marcador.

A partir dessa altura, o Famalicão trabalhou na procura do golo, algo que acabou por acontecer já em tempo de desconto por intermédio de Poulson, que aproveitou da melhor forma um passe de Ângelo.

Jogo disputado no Estádio Municipal 25 de Abril, em Penafiel.

Penafiel - Famalicão, 1-1.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores:

1-0, Fábio Fortes, 55 minutos.

1-1, Jaime Poulson, 90+2.

Equipas:

- Penafiel: Ivo, Kalindi, João Paulo, Diouf, José Gomes, Romeu Ribeiro, Rafa Sousa, Ludovic, Caetano (César, 77), Gleison (Danilo, 83) e Fábio Fortes (Hélio, 90+1).

(Suplentes: José Costa, Dias, Paulo Bessa, Hélio, César, Danilo e Luís Pedro).

Treinador: Toni Conceição.

- Famalicão: Leonardo, Dani, Ângelo, João Faria, Jorge Miguel, Mendes (Jaime Poulson, 60), Hocko (Nélson Cunha, 73), Fred (Zé Lucas, 59), William, Feliz e Thuíque.

(Suplentes: Gabriel, Zé Lucas, Nélson Cunha, Fernandinho, Joel, Jaime Poulson e Nuno Diogo).

Treinador: Dito.

Árbitro: António Nobre (AF Leiria).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Fred (10 minutos), Romeu Ribeiro (12), Hocko (14) e Ângelo (21).

Assistência: Cerca de 500 espetadores.