"Mexemos sempre para a frente. O FC Porto fez ao contrário"

"Mexemos sempre para a frente. O FC Porto fez ao contrário"

Pepa lamenta a derrota, realça a atitude do Tondela e acaba a considerar como justa a vitória do FC Porto

Mudanças surpreenderam: "Não sei se surpreendeu ou não, tínhamos de fazer o nosso jogo e fizemos. Acima de tudo, há que dar já os parabéns aos meus jogadores, que foram bravos, lutaram até ao fim. As próprias substituições foram sempre à procura dos pontos. Não conseguimos, mas, sabemos que do outro lado estava uma equipa muito forte, com um volume ofensivo e presença na área fortes, com jogadores potentes, fortes fisicamente".

Ressalto e golo: "A verdade é que, em termos de organização defensiva, estivemos muito bem. Foi pena aquele lance do golo, um pouco ali de ressalto. Agora, mais uma vez, nestes jogos paga-se caro quando definimos mal, mas nisso há mérito do outro lado ao não nos deixar pensar, no último terço. O que fica é zero, em termos de pontos, mas, acima de tudo, é esta entrega."

Jogar em casa: "Ainda bem que este jogo saiu agora. Ainda bem, porque é a nossa casa e não é por ser o FC Porto, não é nada disso: uma coisa é saber que temos de recuar um pouco porque fomos empurrados, mas não é o que queríamos, mas, mantivemos sempre as linhas juntas, uma equipa compacta. É esta imagem que queremos, em nossa casa e fora, como é óbvio: a de uma equipa aguerrida, muito junta. Com esta atitude, esta entrega, esta solidariedade, vamos fazer muitos pontos, aqui em casa. Foi pena nas poucas oportunidades que tivemos não termos conseguido materializar em golo, mas o FC Porto também ainda teve duas ou três, portanto, aceito o resultado."

Ficou a olhar para o relvado: "É sempre uma frustração, como é óbvio. Uma derrota, seja contra quem for, uma pessoa fica doida. Agora, a apontar aos jogadores, nada! Antes pelo contrário. Isso de ficar a olhar para o relvado é porque sentíamos, nós próprios, que aquilo que mexemos na equipa foi sempre para a frente. Do outro lado foi ao contrário e é normal, eu compreendo, foi para dar mais consistência ao meio-campo, segurar o resultado e depois também tentar, em transição, fazer o segundo golo.

Melhores dias: "Nós estávamos a perder 1-0, fomos atrás do empate. Não conseguimos. Mais uma vez, parabéns a quem ganhou. Temos de manter este registo em termos de entrega e agressividade, porque melhores resultado virão, com certeza."

FC Porto apertado: ""Criámos dificuldades, é verdade. O FC Porto sentiu, em Tondela, o que não tinha sentido até aqui. Fizemos pela vida, fizemos tudo por tudo para conseguir pontos. O que fica na história é o resultado, mas, mesmo nas derrotas, às vezes, há coisas positivas e é a isso que temos de nos agarrar. Corrigir o que esteve menos bem e agarrar-nos às coisas positivas: fomos uma equipa que fez pressão, junta. A nossa equipa tem potencial para continuar a crescer."